26 de novembro de 2015

OBAMA SABIA?

Tenho sido perguntado o que acho do PUTIN. Em que pese a simpatia que este dirigente supremo da Rússia vem angariando mundo afora, eu diria que nenhum líder político é previsível. Putin está surpreendendo com a resistência às provocações que vem recebendo. Os NEOCONS americanos estão cada vez mais impacientes com a guerra que não desata.

Nem mesmo o avião de combate russo, que acaba de ser abatido pela força aérea da TURQUIA, fez com que Putin perdesse a temperança. Agora simplesmente mandou seu Ministro do Exterior Lawrow perguntar ao seu colega americano, John Kerry, se eles sabiam do projetado ataque turco a sua aeronave. Alega ter sido a derrubada da máquina russa uma séria violação do acordo assinado entre Estados Unidos e Rússia sobre a segurança aérea em suas ações sobre a Síria contra o Estado Islâmico.

O acordo reza que cada lado cuidaria que os aliados não entrariam em conflito com outros participantes dos combates. Lawrow ressaltou que os Estados Unidos sempre fazem questão de serem informados sobre as ações em curso e por isso deveriam estar sabendo do ataque planejado pela força aérea turca. Outros companheiros da coalizão informaram que, sempre que acionarem em combate aviões de fabricação americana, devem obter antes a aprovação estadunidense. Neste caso o avião russo Su24 foi abatido pela força aérea turca, usando um avião americano F16.

A situação de Obama parece não ser das melhores. Já deu sinais de estar cansado do problema sírio. Uma resposta à indagação feita por Putin poderia mostrar que na verdade os tais Neoconservadores estão assumindo o comando sobre as forças armadas. Poderia provar também que os Estados Unidos não estão sinceramente empenhados na luta contra o TERROR, como dizem. Seriam eles, assim como a Turquia e talvez a própria OTAN, na realidade, acumpliciados aos terroristas islâmicos. É esperar para ver.

O presidente da Turquia Recep Erdogan tem planos próprios para se aproveitar da conflagração e que esta lhe traga a destruição do atual Estado Sírio. Existe ali um conflito de interesses provocado por recentes descobertas de gás no Mediterrâneo Oriental, que aliadas às fontes do Iraque, poderão provocar profundas alterações no esquema atual de rotas de transporte e distribuição do produto.

Falando em OTAN, são significativas as medidas de exceção que Hollande está colocando em prática na França, justificando-as com o atentado do Bataclan. Ele acaba de comunicar ao Conselho Europeu que suspendeu parcialmente a CONVENÇÃO DOS DIREITOS HUMANOS. Isto depois de ter prorrogado o Regime de Exceção por 3 meses. É de lembrar Benjamin Franklin que em 1775 já disse: “They who can give up essential liberty to obtain a little temporary safety, deserve neither liberty nor safety” (Aqueles que podem prescindir de liberdade essencial para obter um pouco de segurança temporária, não merecem nem liberdade nem segurança).
Toedter

5 comentários:

  1. Eu desconfiava que tinha dedo dos sionistas dos Estados Unidos nesta historia! Alias, a Turquia ja enviando seus soldadinhos de chumbo disfacados de pseudos rebeldes para tocar o terfor na Siria. Pois eu divulguei esta informacao na minha pagina da internet.

    Abracos, prezado Toedter!

    ResponderExcluir
  2. As hienas estão sedentas por guerra! É visível o interesse de Obama em manter os grupos terroristas na Síria fortalecidos, para agradar Israel e Arabia Saudita, mantendo a onda de refugiados para, de quebra, enfraquecer a Europa.

    Por outro lado, o governo turco não sem importa em ser usado como marionete, pois confia que a OTAN não vai abandona-los em caso de guerra, além disso, querem manter o EI fortalecido, para continuar lucrando com a venda de armas e recebendo petróleo barato.

    Eder

    ResponderExcluir
  3. O obama ir lutarcontra os seus irmaos no terreno, so visionarios para crer, brinca com avioezinhos, por isso ganhou um premio nobel para o amarrar a paz logo no inicio de mandato. mas a inglaterra ja se oféreceu tambem.

    ResponderExcluir
  4. Creio que por falta de aviso não foi, Toedter. OTAN protestou diversas vezes sobre a invasão ao espaço aéreo Turco pela Rússia. Os Russos estavam cientes.

    "Had Turkey responded ... it could have resulted in a shootdown, and it is precisely the kind of thing we warned against" - John Kerry

    http://uk.reuters.com/article/2015/10/05/uk-mideast-crisis-syria-turkey-russia-idUKKCN0RZ19S20151005


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O aviao foi abatido sobre a siria a russia tem bases la nao precisa da turkia..kuanto ao gas boa parte ta em gaza ou o ke restou dela deve ser por isso ke jogaram tanta bomba

      Excluir

Escreva aqui o SEU pensamento sobre o assunto. É dispensável repetir o que já é de domínio público. A indicação de links deve ser acompanhada de breve descrição do conteúdo. Mensagens anônimas não são bem-vindas, agressões e baixarias não serão publicadas.