1 de dezembro de 2017

O TWITTER DO TRUMP


Jayda Fransen, vice-presidente do “Britain First”, pequeno partido de direita inglês, postou três vídeos que mostram crueldades cometidas por radicais islâmicos. Pois não é que o presidente TRUMP reproduziu esses vídeos no seu TWITTER. Até aí nada demais, não tivesse o Twitter do Trump 45 milhões de seguidores e não tivesse ele ainda inserido o “link” para a página da Jayda Fransen “Britain First”.

Enfureceu a Primeira-Ministra Theresa May, fato que em nada é surpreendente. Theresa May vem protelando o Brexit, a saída da Grã-Bretanha da União Europeia, decidido em referendum pelo povo britânico. Correligionária dos Rothschild e Soros, ela é globalista e, portanto, a favor da decadência da Europa. O seu governo publicou a seguinte declaração: “Britain First divide a nossa sociedade com ódio e mentiras. Os cidadãos leais às nossas leis estão preocupados. A maioria dos britânicos é contra o preconceito da extrema direita, que representa o contrário dos nossos valores de decoro, tolerância e respeito.”

Sem observar os costumes diplomáticos Trump respondeu: “Theresa May, a senhora não deveria dispensar sua atenção a mim, porém ver o terrorismo islâmico-radical que acontece na Grã-Bretanha.”

A evolução dos acontecimentos de alguma forma fortaleceu a Jayda Fransen, que, agradecendo ao apoio de Trump, diz que em virtude de sua crítica aos islamistas está ameaçada de encarceramento. O seu país está submetido à Sharia. O sistema político britânico criou leis que criminalizam a blasfêmia, colocando em risco a LIBERDADE DE EXPRESSÃO.


Em que pese a dramaticidade que está assumindo a situação na Europa, é animador, ao que tudo indica, que TRUMP está começando a encontrar o SEU espaço. (Fonte National Journal 30/11/17)

21 comentários:

  1. No essencial ninguém mexe ...
    https://www.youtube.com/watch?v=k7m26G0WpB4

    https://pbs.twimg.com/media/CrctixXXEAALEr4.jpg

    ResponderExcluir
  2. Infelizmente a Europa Ocidental está condenada. Quem puder, vá conhecer a Europa o quanto antes. Em poucos anos, talvez em uma década, ela será islâmica.

    Todas obras de arquitetura e medievais, principalmente igrejas, e toda cultura que levou a civilização ocidental a ser superior será destruída.

    As futuras gerações conhecerão a Europa como mais uma "civilização perdida".

    Outro muro se erguerá na Europa. Polônia e Hungria - que já avisaram que querem continuar poloneses e húngaros, ou seja, europeus - isolarão a Europa Oriental da Europa Islâmica.

    Europeus brancos e cristãos buscarão refúgio nestes países (já está acontecendo. Obviamente omitido pela mídia, grande número de belgas e holandeses estão indo embora para morar e trabalhar na Hungria).

    Triste fim para a Europa, que não soube seguir o caminho certo.

    ResponderExcluir
  3. "O seu país está submetido à Sharia. O sistema político britânico criou leis que criminalizam a blasfêmia, colocando em risco a LIBERDADE DE EXPRESSÃO."

    Tem que ser mais concreto e mencionar essas leis por exemplo.

    a blasfemia, definida como insulto a deus, e um ‘crime’ sem vítimas, mas um conceito perigoso para a liberdade de expressao, a defesa da ofensa faz-se apenas nos tribunais, de acordo com o codigo penal e deus nunca se constituiu como queixoso ate hoje,ou os crentes apresentaram procuracao dele para o representar, no entanto, o odioso “crime” medieval, que conduzia as fogueiras, ainda subsiste, no codigo penal de 8 países europeus, laicos e civilizados, dinamarca, austria, finlandia, grecia, espanha, irlanda, italia e portugal e claro, disfarçado de “ofensa aos crentes", em ‘frança’, onde foi abolido em 1791. no reino unido, que o suprimiu em 2002, ja apareceu o deputado jeremy corbyn a evocar a possibilidade de o reintegrar sera que o fez??? Elucide-nos.
    a blasfemia e uma arma política para erradicar religioes minoritarias e um instrumento para condicionar a liberdade de expressao, a sharia na europa para quem nao saiba, o unico pais que a permite e a grecia numa zona proximo a turquia em que a maioria da populacao e muculmana. tudo e resto e mais do mesmo. Pura especulacao, e capaz de demonstrar que existe uma lei criminal da balsfemia na gra bretanha??? Uma coisa e nao gostar da imigracao e refugiados na europa, outra e ser faccioso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para obter mais detalhes terá que se dirigir à Jayad.

      Excluir
  4. Cristo Jesus é coroado Rei da Polônia:
    http://1.bp.blogspot.com/_WY3qKeZY6L0/TShjKJNOG3I/AAAAAAAAUrQ/ksIC_suetlY/s1600/C.%2BPOLONIA.jpg

    https://www.youtube.com/watch?v=Xk_UBglPJKU

    https://www.youtube.com/watch?v=7xlJghpMtLU

    https://www.youtube.com/watch?v=pzv9DOg0ksk

    É a Polônia católica fazendo frente aos pagãos anticristãos cabalistas democratas da Nova Ordem Mundial do 3º Templo.

    Cobalto

    ResponderExcluir
  5. Não sei com quem Trump está alinhado mas só o fato de ele se posicionar contra as vacinas e de ter mandado abrir os arquivos do assassinato do JFK já mostram que o homem é porreta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. RECONHECEU JERUSALÉM COMO CAPITAL DO ESTADO DE ISRAEL

      Excluir
    2. o homen ate pode ser porreta, agora ser contra a vacinacao e um retrocesso civilizacional, ou por outra deixemos a selecao natural dizer quem sobrevive, na europa e na america doencas que estavam erradicadas, erradicadas e um modo de dizer porque os virus e as bacterias existem simplesmente as populacoes beneficiavam de imunidade atraves da vacinacao e imunidae de grupo, mas como por meio de um fraude se comecou a convencer as pessoas que as vacinas faziam mal, a moda "cabalistica" pegou de estaca e as doencas erradicadas regressarm e so nao chegaram antes porque as pessoas que nao vacinavam os filhos beneficiavam da imunidade de grupo, ou seja dos vacinados, mas. isto so funciona a imunidade de grupo ate certa percentagem, por isso em portugal regressou o sarampo e uma adolescente morreu porque a mae era anti vacinas. mas para desgraca de todos os antisemitas e antisionistas, o homem de vez em quando ate tem lampejos de sabedoria, entao nao e que reconheceu jerusalem como capital do estado israelita, nem mais, onde e que os arabes foram inventar que aquilo lhes pertencia???? desde quando??? pois e nao ha documentos sobre isso ou que falem sobre isso mas judaicos sao aos montes, os arabes foram tolerados e construiram uma mesquita ha tempos que la vao no monte do templo e a partir dai comecaram a reinvindicar, como por exemplo o local de onde maome ssubiu ao ceu, quando ele nunca andou pela palestina, kkkkkkkkkk

      Excluir
  6. A Civilização Europeia e/ou Ocidental é praticamente toda Alemã:
    https://www.youtube.com/watch?v=xoX4SYHnmi0

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. essa e muito boa, a civilizacao ocidental hoje em dia e entendida como aquela derivada de valores de estados europeus, ou colonizados por europeus e que partilham em maior ou menor grau dos mesmo valores, como serem estados democraticos com governantes eleitos, sujeitos a lei ou seja estados de direito, respeitadores da liberdade de expressao, dos direitos humanos, da liberdade religiosa, estes pilares hoje em dia definem a civilizacao ocidental. mas de onde ela veio de onde vieram esses principios definidores da civilizacao ocidental?, nada mais nada menos que da influencia da grecia antiga da sua filosofia e da sua logica, da influencia da antiga roma, do seu direito e da sua concepcao de propriedade privada, da influencia do humanismo oriundo da influencia do cristianismo e do judaismo , todos estes valores formaram o caldo cultural da civilizacao ocidental. mas e entao o renascimento a cultura renascentista, o nascer da ciencia com giordano bruno, galileu, continuadores de um kepller, o liberalismo e a economia com um adam smith, as ideias e os ideais racionalistas, o iluminismo..... e claro que tudo isso nasceu na alemanha, kkkkkkkkk, mas assim de repente tirando uns filosofos compositores do seculo XVIII XIX e um herege que de facto marcou a historia pelo campo da religiao nao houve fenomenos que se possam considerar ao lado destes outros como fundadores da civilizacao ocidental com origem alema.

      Excluir
    2. "Europeus" é muita gente ...
      https://www.youtube.com/watch?v=Kuv9q2i2fyc
      " ... bin ich, von deutschem Blut,"

      Foi o Alemão que praticamente formou a Europa toda, inclusive a Rússia, e EUA cfe o vídeo acima. Essa formação iniciou muito anteriormente ao britânico Adam Smith citado. Aliás, houve imigração massiva de alemães àquelas ilhas.

      A Europa é fruto da bravura e capacidade Alemã, por conseguinte, a Civilização Ocidental e o que existe de mais moderno e civilizado nas Américas e no Mundo.

      " ... bin ich, von deutschem Blut," me digam, quantos hinos cantam loas a outros povos?!!

      Excluir
    3. Quer dizer entao que uma civilizacao conta-se pela imigracao e invasoes levadas a cabo. Kkkkkk e eu que pensava que era pelo conhecimento transportado ou adquirido. Vai dai muitas invasoes nao trouxeram nada de novo, mas adquiriram, como os hunos,romanizaram-se cristianizaram-se como todas as outras tribos adqurindo os valores da respectiva civilizacao onde se implantaram. Chama-se a isso aculturacao. Os valores melhores sobrepoem-se.

      Excluir
    4. Por falar em Alemanha e Europa - hoje se inicia a Festa das Luzes, Hannukah !

      Que todos tenham foco na luz . Esta imagem mostra a vitoria da luz contra as trevas !

      https://ibb.co/c9G0qG

      ROBERT

      Excluir
    5. Hannukah, outra "festa" que os judeus comemoram mais uma matança.

      Neste dia comemoram a história citada no livro de Judith da degola de Holofernes, um general assírio e matança generalizada. Ele tinha cercado uma aldeia judia e cortado o fornecimento de água. Judith, com o Ester e tantas outras meretrizes judias, foi para o acampamento assírio e fingiu se render, lembra o lema do Mossad: "Pela fraude farás a guerra". Holofernes, cooptado por sua beleza (lembremos que os judeus monopolizam a pornografia) e ela voltou para a sua tenda com ele, onde ela enchia-o com queijo e vinho (as drogas do momento), quando ele adormeceu ela cortou-lhe a cabeça. São mais de 2.000 anos agindo assim.

      Excluir

    6. isso sera tudo ignorancia,..... mas pobre ester que so fez o que devia, ou seja matar alguem que os queria matar a eles kkkkkkkk

      http://fortune.com/2017/12/12/hanukkah-christmas-2017-history-gifts-jewish/

      "hannuka, commemorates the rededication of the Temple in Jerusalem after the Maccabees defeated the Greek rulers in the second century B.C. As part of the purification of the Temple, Jews lit an oil-based menorah. Although they had only enough oil for one day, so the story goes, it lasted for eight. This is what the Hanukkah rituals, including lighting candles or oil, celebrate. For centuries, Hanukkah was considered a “minor” holiday, a festival with a distinct place in the Jewish calendar, but without the restrictions in activities or food that define other well-known holidays such as Passover, Rosh Hashanah, and the weekly Shabbat. For centuries, Hanukkah remained less religiously and culturally significant than almost any other Jewish holiday. That all changed in the 20th century."

      http://www.independent.co.uk/news/world/europe/hanukkah-2017-what-is-it-jewish-festival-meaning-chanukah-lights-candles-food-facts-holiday-menorah-a8105136.html

      The exact historical truth of the religious version of events is disputed, but we do know that King Antiochus and the Maccabees existed. What is less established is whether the miracle described in the Hanukkah story really happened.Jewish people are taught that the oppressed Maccabees somehow defeated Antiochus' mighty troops and reclaimed the Temple in Jerusalem. To celebrate, they attempted a ritual lighting of a seven-pronged Menorah candle - but they only had enough oil to last one day. Miraculously, the oil lasted a full eight days, giving Jews enough time to procure new oil. This is why Hanukkah is known as the festival of lights.

      Excluir
    7. Hanuká, festa da degola ... sangue ... sangue ... sangue ....

      Excluir
    8. Como dizia o darwin

      "A ignorância gera mais frequentemente confiança do que o conhecimento"

      Kkkkkk

      Excluir
    9. "isso sera tudo ignorancia,..... mas pobre ester que so fez o que devia, ou seja matar alguem que os queria matar a eles kkkkkkkk"

      Por essas e outras que não pode haver fluxo livre para judeus... a mesma história de sempre. O recurso máximo do judeu, em última análise, é a mentira...

      Aliás, essa crítica ao Hanukkah nem era para ser defendida, mas sim ser lançada aqui, de modo ao que é acumulado fique sem réplicas, pois caso contrário, poderá parecer que alguém atento às criticas ao judaísmo por cá, a maioria pertinente, e que em imediata prontidão se põe a tentar manter uma imagem de judeus, sempre vítimas de injustiças, é menos um rigor da história e da lógica do que o proselitismo e exegese histórica judaica, em suma, o hasbará eheheheh

      Excluir
  7. "isso sera tudo ignorancia,..... mas pobre ester que so fez o que devia, ou seja matar alguem que os queria matar a eles kkkkkkkk" ... essa risada no final é hanuká, é bem ilustrativo do espírito psicopata do hanuká. Os judeus riem quando matam ou se lembram que mataram um ou milhares. Matar é festa, matar é alegria, matar é hanuká, hanuká é serial killer.

    Como dizia o darwin: "A ignorância gera mais frequentemente confiança do que o conhecimento" e conhecendo a verdade, ela vos libertará. Portanto, controlam a imprensa pra controlar o conhecimento da verdade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os judeus riem quando matam aqueles que os queriam matar a eles primeiro, deve ter sido isso que fez o david quando matou o golias,o moises quando afogou um exercito egipcio etcetc todos eles devem ter rido as gargalhadas para quem acredita, ate eu me rio da ignorancia de muitos sobre o hannuka kkkkkk

      Excluir
    2. "O melhor dos gentios, matai"
      Talmud "sagrado" ... hanuká, purim etc É festa, vamos rir, vamos comemorar

      Hannukah, outra "festa" que os judeus comemoram mais uma matança.

      Neste dia comemoram a história citada no livro de Judith da degola de Holofernes, um general assírio e matança generalizada. Ele tinha cercado uma aldeia judia e cortado o fornecimento de água. Judith, com o Ester e tantas outras meretrizes judias, foi para o acampamento assírio e fingiu se render, lembra o lema do Mossad: "Pela fraude farás a guerra". Holofernes, cooptado por sua beleza (lembremos que os judeus monopolizam a pornografia) e ela voltou para a sua tenda com ele, onde ela enchia-o com queijo e vinho (as drogas do momento), quando ele adormeceu ela cortou-lhe a cabeça. São mais de 2.000 anos agindo assim.

      Ester, rainha dos pogroms, rainha do hanuká, rainha dos rios de sangue, rainha do holocausto.

      "Feliz aquele que pegar em teus filhos e esmagá-los contra as pedras." sl 137:9 ... hanuká, purim, etc. É festa, vamos rir, vamos comemorar

      Excluir

Escreva aqui o SEU pensamento sobre o assunto. É dispensável repetir o que já é de domínio público. A indicação de links deve ser acompanhada de breve descrição do conteúdo. Mensagens anônimas não são bem-vindas, agressões e baixarias não serão publicadas.