21 de abril de 2017

mídiaQmente

Se alguém esperou uma imensa onda de protestos e condenação depois dos ataques terroristas às duas igrejas cristãs, que aconteceram no último Domingo de Ramos no Egito, decepcionou-se. Afinal foi uma bárbara agressão a fiéis em pacífico culto religioso, em uma data das mais importantes do calendário cristão.

O noticiário em torno do acontecimento foi magérrimo, o mesmo ocorrendo com os comentários e discussões a respeito. É claro, se a mídia não lhe dá importância, a reação pública resulta abafada. Resta a indagação POR QUÊ. E a resposta é aquela que temos insistido em enunciar. É que estamos sendo submetidos a um inexorável MIND CONTROL. Omitindo informação ou falseado os dados, o pensamento e a reação das massas são conduzidos no sentido desejado pelo Sistema. Consequentemente o que aconteceu não estava programado. Basta lembrar o carnaval encenado após o ataque ao Charlie Hebbdo, em Paris. Enquanto uma ocorrência é notícia durante dias ou semanas, merece cerimônias de luto com presença de chefes de estado, uma outra, mais calamitosa, passa quase em branco. Confirma o que sempre afirmamos, os meios de comunicação obedecem todos a um comando central, o que hoje representa o principal recurso usado pelo Sistema para formatar a opinião coletiva.

Creio que a partir da Segunda Guerra Mundial completou-se a estruturação do que eu chamaria de CCN – Central Coordenadora de Notícias . Pensando bem, é um órgão indispensável para quem projeta um ONE WORD, ou uma NEW WORLD ORDER, ou ainda, como nós a conhecemos, NOVA ORDEM MUNDIAL.

Graças ao trabalho da CCN (não confundir com CNN), por exemplo:
> O mundo ficou convencido de que Adolf Hitler era um louco demoníaco, que queria dominar o mundo e que seus seguidores eram carrascos sanguinários que assassinaram milhões de pessoas.
> O mundo não tomou conhecimento dos crimes de guerra praticados pelas forças do Sistema nos conflitos bélicos dos quais participaram
> Desde Hô Chi Minh do Vietnã até Bashar Al-Saddat da Síria, todos os adversários do Sistema foram caraterizados como odiáveis, opressores, ditadores.

Talvez um dia a sociedade reconheça esse estado de coisas.

Depois de um hiato representado por uma época em que a doutrina da Escola de Frankfurt festejou conquistas após conquistas, tenho agora a impressão de que está subindo ao palco uma geração que está fazendo perguntas. Parece estar compreendendo que este dolce farniente mental só acelera o caminho para o nada. Está realizando que neste mundo impera a mentira, que a degradação está tomando conta da sociedade através da promoção da discórdia. População de cor é instigada contra a branca, mulher contra homem, filhos contra pais, alunos contra professores, diversidades são usadas para criar concorrências, animosidades. Costumes e tradições vão se perdendo. Quando antes se buscava elevar a moral, disseminar princípios éticos, hoje se espraia a contravenção, a promiscuidade e querer levar vantagem tornou-se regra.

Há poucos dias foi celebrado o renascimento daquele que disse “ser o caminho, a verdade e a luz”. É o que o mundo está precisando.

Toedter

7 comentários:



  1. a midia que mente, kkkkkkkkkkkkk

    so de alguem que mente ainda mais.

    absurdo e lamentavel que se facam posts deste genero em que se procura culpar a midia e o ocidente por falta de solidariedade para com atentados cometidos recentemente no egipto. e mentira e qualquer mente bem formada sabe que a nivel de cidadania ou oficialmente essas acçoes sao condenadas pelo ocidente, havendo oficialmente envio de condolencias pelo sucedido, nao esquecer os recentes atentados na russia, mas talvez por isso e porque evoluimos, o terrorismo de genese europeia terminou, recentemente o grupo eta entregou o seu arsenal militar, mas porque nao ha empatia pelos actos terroristas que acontecem em territorios arabes por parte do ocidente? logico, os atentados que ca se verificam tem origem e mandantes desses paises, e nunca a populaçao desses paises ou a populaçao desses paises que vive no ocidente se demarcou claramente condenando essas açoes contra o ocidente. enquanto o nao fizerem sao vistos como cumplices.

    Porque morreram 132 pessoas em frança ha tempos atras, porque morreram x pessoas em frança quando do charlie hebdo,porque morreram x pessoas em atocha espanha, porque morreram x pessoas no metro de londres, porque foi assassinado um cineasta holandes em plena rua, porque foi um escritor como salman rushie condenado a morte atraves de uma fatwa,porque houve violencia e mortes por causa de uns desenhos, porque nao morreramm muitos outros devido ao desmantelamento de celulas terroristas

    Os atentados que sao na europa, nao sao em gaza, na siria no iraque ou na libia, por isso para mim e a maioria dos europeus é me indiferente o que eles façam a si próprios nos seus países, se se matam degolam raptam crianças como em africa ou o que quer que seja. eles sao a origem onde se gera o problema, problema deles, Já não me é indiferente a mim e a milhares de europeus que venham fazer isso a nossa casa, tentando amedrontar-nos na nossa vida quotidiana e nos nossos valores.

    ah e como bom nazista ja ninguem acredita em paninhos quentes, escusa de vir com isto desculpabilizar o nazismo, o nazismo e uma ideologia criminosa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "terrorismo de genese europeia"?! ... kkkkk Os primeiros registros de terrorismo que temos são dos judeus zelotes na extinta "terra prometida" dominada pelos pagãos romanos e depois pelos muçulmanos.

      Terrorismo temos com Haganá, Mossad e suas falsas bandeiras, Irgun, do Baader-Meinhof (apesar do nome alemão, é um grupo terrorista judeu, vivem se escondendo debaixo de nomes falsos). Afinal, é o 'democrático' do grupo estatal terrorista Mossad: "Por meio de fraudes, farás a guerra." ... que lindooo! Que coisa mais nazista ... kkkkk

      hasbará vem falar de "nazismo" ... é não ter assunto, nem razão.

      Qual a diferença entre santo pedófilo Moisés de Israhell deicida e o ISIS? Veja Números 31: 8

      "Porém, todas as meninas que não conheceram algum homem (as ninfetinhas ... ui ui), deitando-se com ele, deixai-as viver para vós." ... que santos!!

      Olhe mais pro seu rabo, hasbará.

      Excluir
  2. Esse Anonimo de 21 de abril de 2017 13:28 está delirando, pobre coitado: volte quando baixar a febre. Quem sabe então consiga escrever algo que faça algum sentido.

    ResponderExcluir
  3. gostava que o bloger marcasse a sua posiçao e nao se indignasse pelas hipoteticas nao condenaçoes de terrorismo islamico, nao diz e a sua posiçao mas condenara o terrorismo islamico na europa? e que eu tenho duvidas, pois quanto mais terrorismo islamico na europa mais serve a sua ideologia racista e xenofoba contra refugiados de guerra islamicos na europa, podia ser mais conciso, pois eu acho, quer dizer, tenho a certeza que nao condena.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desculpe se não fui suficientemente claro na minha exposição. Pretendi apenas denunciar a parcialidade dos nossos veículos de comunicação, o que, na minha opinião, demonstra que eles não são independentes. Mas aceite um conselho, poupe seus esforços no futuro, porque comentários que buscam tergiversar, desviar do assunto aqui costumo excluir.

      Excluir
    2. O que vc critica no blog, teu estado facínora faz:

      Governo israelita exporta abertamente imigrantes ilegais africanos para a Suécia
      http://englishnews.org/european-news/the-jewish-war-on-nordic-sweden.html

      Rabino acredita que os judeus devem se alegrar pela imigração muçulmana pra Europa porque vai destruir-lhes a identidade:
      http://www.ynetnews.com/articles/0,7340,L-4299673,00.html

      Olhe mais pro seu rabo, hasbará.

      Excluir
  4. Caro Sr. Toedter e demais camaradas

    Semanalmente vemos os posts grosseiros desse hasbará "anônimo", e algo sempre me chama a atenção nos mesmos: observem que o português dele (de Portugal) é sofrível, sem pontuação, com frases que parecem não ter inicio e fim muito definido.

    Me parece ser uma tradução (via Google Tradutor) de uma língua sem as estrutura de uma língua latina como o Português (a língua do demônio, o hebraico?...), e portanto não forma frases como usualmente se fala em Português...

    Creio ser mais um patrulheiro dessa corja, que vem aqui apenas para tumultuar. É um sinal que seu trabalho, as verdades que o sr. diz, os incomoda!

    Saudações

    ResponderExcluir

Escreva aqui o SEU pensamento sobre o assunto. É dispensável repetir o que já é de domínio público. A indicação de links deve ser acompanhada de breve descrição do conteúdo. Mensagens anônimas não são bem-vindas, agressões e baixarias não serão publicadas.