10 de abril de 2017

GUERRA DAS RELIGIÕES


Estaríamos voltando à Idade Média? Devidamente modernizada naturalmente. Além de todas as sataníces que essa máfia cabalística vem nos preparando, há uma da qual se fala pouco, mas não é menos tenebrosa: a GUERRA DAS RELIGIÕES! Para isso criou-se o tal Estado Islâmico, que de “Estado”, como organização administrativa de uma nação, nada tem. Mas já assusta o mundo divulgando vídeos dos seus costumes mais bárbaros.

E agora estão chegando mais perto. Ontem o EGITO foi palco de atos terroristas por demais sangrentos. O terror dos jihadistas se voltou diretamente contra a maior religião mundial, contra a religião CRISTÃ. Duas igrejas da comunidade copta, uma em Alexandria e outra em Tanta, foram alvos de ataques suicidas a bomba, justo na hora em que era oficiada a missa dominical. Era Domingo de Ramos, data em que a afluência de fiéis é elevada. Registraram-se pelo menos 44 mortos e centenas de feridos. O Estado Islâmico assumiu a autoria. Isto aconteceu a três semanas da anunciada visita do papa Francisco ao país.

Seria um sinal de que o problema está se aproximando do ocidente? Vamos nos lembrar que já são milhões os homens de fé islâmica que a satânica Dra. Merkel fez invadir a Europa. Eles estão lá, a absoluta maioria sem fazer nada, sendo tratados a “pão de ló” pelo Estado. A tal União Europeia é um aglomerado de povos que estão à deriva. Não têm timoneiros, ou os que têm são mal intencionados.

Na verdade a MÁ INTENÇÃO dos que têm responsabilidade nos governos ocidentais transpira por todos os poros. Basta se olhar a palhaçada que agora foi armada em torno da Síria. Esse Bashar al Assad está se defendendo contra todos os lados, lutando de costas para a parede, e agora vê armarem pela segunda vez uma bandeira falsa contra ele. Até mesmo a mídiaQmente parece ter ficado com vergonha de continuar afirmando que Assad teria usado armas químicas contra o seu povo, depois da ridícula atitude do atual mandatário da nação mais poderosa do mundo. Este, que em artigo anterior eu considerara “enigmático”, agora revelou-se boneco do teatrinho de fantoches.

E enquanto os foguetes, vídeos e noticiários aquecem os ânimos, na Europa o islã se espraia. Diz-se que há os que interpretam o seu alcorão de forma pacífica e que há os jihadistas, os guerreiros, os violentos que pretendem impor sua lei ao mundo. O que está se verificando na Europa é a prevalência dos que não pretendem se integrar, que não querem adotar os costumes do país que os hospeda. Os conflitos dos quais se tem notícia são constantes, sem falar nos atentados terroristas com vítimas fatais amplamente noticiados.

Inegável o fato de jihadista ver no cristão um inimigo a ser convertido, por bem ou por mal. Desde o século VIII os muçulmanos estão de olho na Europa. É, pois, um sentimento antigo, mas que hoje certamente teria perdido o sentido, não fossem as pavorosas provocações que vêm sendo feitas pelo ocidente ao mundo muçulmano desde a bandeira falsa do 11 de setembro de 2001.

Estaríamos então diante de uma possível GUERRA ENTRE RELIGIÕES? Tudo indica ser provável. Onde dois brigam, um terceiro se aproveita.

Toedter

17 comentários:

  1. Há um equívoco nesta postagem, ou seja, a religião católica já foi desbancada do trono faz tempo pela religião islâmica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Sr. Toedter não mencionou a religião católica e sim a religião cristã, o que a torna bem mais abrangente.

      Excluir
  2. Rabino Israelense: Estado Islâmico é um aliado de Israel
    ====================
    https://judaismoemaconaria.blogspot.com.br/2016/06/rabino-israelense-estado-islamico-e-um.html

    ResponderExcluir
  3. Depois do ataque a base síria, Trump virou queridinho da mídia:
    "Tenemos a MSNBC y canales del tipo de la CNN emocionados por la guerra, por el bombardeo en Siria", apuntó Stacy.

    Quem manda no Brasil são os banqueiros, afirma Requião:
    http://www.robertorequiao.com.br/quem-manda-no-brasil-sao-os-banqueiros-afirma-requiao/

    ResponderExcluir
  4. Olá sr. Norberto, boa Pascoa
    O canal judeu de tv por assinatura o History, esta se deliciando essa semana que é importante ao Cristianismo/Catolicismo, exibindo programas como a Biblia Proibida, com series que tenta mostrar que a Virgem Maria tinha conecção com Bruxaria!!!! inacreditavel!! e mais que o Vaticano é uma fabrica de maldades, como trafico de dinheiro, pedofelia, etc.
    Sabe-se que nunca foi provado a tal de pedofilia, nunca apareçeu a vitima em publico ou seus pais, caso seja menor.
    Claro que o atual Papa é um malandrão mas isso é uma conversa para outro dia...

    EDUARDO-SP

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Discordo, já apareceram milhares de vítimas da pedofilia da igreja, e dos padres que foram acobertados pelo Vaticano, bem com não faltam provas do uso do Banco do Vaticano pela Máfia Italiana para lavagem de dinheiro...........................acho que sim faz tempo que o vaticano deixou de lado suas convicções para se tornar um antro de pessoas que não têm Cristo em seus corações

      Excluir
    2. Anônimo papagaio, aqui aprenda e veja como começou a "pedofilia católica":
      http://www.montfort.org.br/veritas/goodbye.html

      Casos de pedofilia só acontecem dentro da Igreja Católica?
      https://www.youtube.com/watch?v=_TolBh5LMNM

      Mais pedofilia, essa o troll não fala:
      http://translate.google.com.br/translate?hl=pt-BR&langpair=en|pt&u=http://100777.com/node/463

      Excluir
    3. "Sabe-se que nunca foi provado a tal de pedofilia, nunca apareçeu a vitima em publico ou seus pais, caso seja menor."

      e so burrices, esta gente nao le nao ouve e nao ve.
      entao para quem e burro, vejamos nomes factos e podem ler tudo em livro ai em baixo no link. vejamos abuso por parte de um bispo norueguês, Mueller, ocorrido nos anos 90 em que ele ainda era padre, e revelado pelo Bispo Eidsvig a pedido da Santa Sé, Nos EUA, segundo o estudo do John Jay College of Criminal Justice, entre 1950 e 2002 foram suspeitos de abuso sexual de menores 4.392 padres e diáconos católicos americanos (num total de 109.694)[1]. Falamos então de uma percentagem de 4% de sacerdotes e diáconos, do total de sacerdotes e diáconos norte-americanos, sob suspeição durante o período em causa. Mas apenas cerca de uma centena foram realmente condenados pelos tribunais civis. Ora, se presumimos que o suspeito é culpado à partida, temos 4.392 abusadores de menores. Mas se respeitamos o princípio de presunção da inocência, e se respeitamos os tribunais, teremos apenas cerca de 100 abusadores de menores (nem todos pedófilos). Outro dado curioso do estudo norte-americano é que dessa centena de condenações, só 54 diziam respeito a condenações por pedofilia (sexo com menores não adolescentes). Mesmo que admitamos que muitas das suspeitas não chegaram aos tribunais, ou que algumas das que chegaram não terminaram em condenaçãoO relatório do John Jay College of Criminal Justice faz uma análise temporal aos dados estatísticos. O "pico" dos casos de abuso coincide com o "pico" do número de acusações, e calha no ano de 1980. A curva que se pode ver na página 28 do dito estudo é ilustrativa: é uma curva em forma de montanha, com uma curva acentuada de crescimento que se nota a partir de 1960. Depois do "pico" de 1980, a curva desce acentuadamente, até 1995, ano em que atinge os valores de 1950. Interessante, o comportamento desta curva, que sustenta todos aqueles que têm relacionado este fenómeno com a revolução sexual dos anos 60 e 70, bem como todos os que têm dito, em defesa da Igreja, que desde o final do século passado, a Santa Sé tomou as rédeas deste problema. Olhando para esta curva, característica dos EUA, se os números não mentem, algo aconteceu para esta queda acentuada no número de casos entre 1980 e 1995 Os números da Alemanha, outro país alvo da especulação em torno dos padres pedófilos, reportam 210.000 casos de abusos de menores desde 1995. Os casos relacionados com padres ou religiosos da Igreja foram apenas 94 desse total. Falamos de 0,04%!

      http://www.usccb.org/issues-and-action/child-and-youth-protection/upload/child-sexual-abuse-literature-review-john-jay-college-2004.pdf

      Excluir
    4. Fala dos casos de pedofilia dos rabinos e das citações no "sagrado" talmud incentivando-a.

      Excluir
  5. Nova Lei de Imigração aprovado pelo Congresso golpista predominantemente siono-maçom, veja com atenção essa bomba-relógio:
    https://www.youtube.com/watch?v=oVrVRk0ksHk

    Cobalto

    ResponderExcluir
  6. O Estado Islâmico, na verdade um exército proxy de Israel et caterva (aqueles de sempre, todos estão cansados de saber), lembra muito Moisés. Vejamos em Número cap. 31:

    Deus moveu através de seu profeta Moisés uma guerra de extermínio total contra o povo midianita, e quando voltaram vitoriosos da guerra com cavalos, jumentos, ouro, prata, prisioneiros homens e mulheres, adultos e crianças, ouviram do profeta:

    15 "Moisés perguntou: — Por que vocês deixaram vivas todas as mulheres?"
    16 "Lembrem que foram as mulheres que, seguindo os conselhos de Balaão, fizeram com que os israelitas fossem infiéis a Deus, o Senhor, adorando o deus Baal-Peor. Foi por isso que houve uma epidemia no meio do povo de Deus."
    17 "Agora matem todos os meninos e todas as mulheres que não forem virgens." (O pedófilo só deixou viver as virgenzinhas, que santo né?)

    Depois o capítulo fala da divisão dos despojos. Homens adultos e meninos virgens ou não e mulheres sem virgindade foram pra espada. Ouro, prata, animais tudo bem contadinho, salvo e repartido:

    32-35 "Esta é a lista do que foi tomado pelos soldados, sem contar o que eles pegaram para si mesmos: ... e trinta e duas mil pessoas." (na verdade, moças virgens)
    40 "e dezesseis mil virgens para os soldados, das quais trinta e duas foram o imposto para Deus."
    47 "Como o Senhor havia ordenado, dessa metade que pertencia ao povo, Moisés pegou um de cada cinquenta, tanto de pessoas (32 virgens) como de animais, e deu aos levitas, que cuidavam da Tenda Sagrada."
    https://www.bible.com/pt/bible/211/NUM.31.ntlh

    Pra que os sacerdotes queriam menininhas virgens?

    Vejamos a explicação meia-boca que encontrei nesse sítio:

    Versículo 17. Matai de entre as crianças todas do sexo masculino. O Senhor, e não Moisés, foi o responsável por esta matança. Deus não disse que era Aquele que visita “a iniquidade dos pais nos filhos até à terceira e quarta geração daqueles que me aborrecem”? (Êx. 20:5). Se nos recusamos a reconhecer a prerrogativa de um Soberano justo de julgar o pecado, nós o reduzimos a algo menor que um homem pecador.
    https://bibliotecabiblica.blogspot.com/2016/06/interpretacao-de-numeros-31.html

    Quer dizer que só as crianças masculinas, mesmo virgens, pagam até a 3ª geração pelos pecados dos pais? As ninfetinhas virgens não? Então tá.

    Depois se cala sobre o destino das 32 mil virgens infelizes que viram o que fizeram seus novos donos "povo eleito" matarem seus pais, avós, irmãozinhos, amiguinhos, tios, destruir sua casa, seus bens roubados, sua tribo extinta ... O Estado Islãmico também pega mulheres, mas já são mais democráticos que o pedófilo Moisés, não precisa ser virgem pra usar e vender como escravas.
    ----------------------------------
    Cristãos coptas, surgidos no séc. I, cantando na Igreja da Gruta no Egito uma canção chamada "Emanuel" que é um nome profético citado em Mateus 1:23 ("E Ele será chamado Emanuel, que signfica, Deus conosco") para se referir a Jesus Cristo, por este ter cumprido dezenas de profecias que anunciavam a vinda do Messias, segundo traduções cristãs da Bíblia Hebraica, por estes chamadas de Antigo Testamento:

    https://www.youtube.com/watch?v=RjEehbjbIAY

    Cobalto

    ResponderExcluir
  7. "Basta se olhar a palhaçada que agora foi armada em torno da Síria. Esse Bashar al Assad está se defendendo contra todos os lados, lutando de costas para a parede"

    anjinhos de bandeira falsa eheheh
    lindo, ternurento, petulante, esse elogio ao presidente sirio de costas na parede enfrentando tudo e todos, o senhor por acaso sabe o que diz? ha uns anos atras o arsenal de armas quimicas sirias foi investigado, e foram encontradas toneladas desse armamento que a siria se comprometeu a destruir e foi aprovada uma resoluçao da onu que dava conta dessa destruiçao e se por acaso se constatasse de futuro que parte desse armamento nao foi destruido dava poder aos membros do conselho de segurança da onu de repor a legalidade e impor a destruicao dessas armas. o que se passou o senhor nao conta, por conveniencia comprometedora obviamente , ou seja essas armas que o presidente sirio utilizou contra o seu povo, nao deviam existir, e a existirem e em flagrante ilegalidade e cometendo crimes de guerra pelo seu uso, o silencio da russia avisada pelos eua do ataque e de um cumplice, por isso caladinhos. os estados unidos so esta a fazer o que deve, impecir criminosos de utilizarem armas quimicas nas suas populaçoes, repor alguma ordem, falta o anormal da coreia, a seu tempo vira, ha quem no ocidente se tenha deixado de paninhos quentes e encanar a perna a ra

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 1) De onde surgiram esse suposto arsenal químico? ... dá Turquia principalmente. "Isso o senhor não conta".

      2) Foram destruídos na época. "Isso o senhor não conta".

      3) Israel e seu principal pistoleiro, os EUA, são CAMPEÕES MUNDIAIS no uso de armas químicas, bacteriológicas e radioativas. "Isso o senhor não conta".

      4) Assad está ganhando a guerra contra o exército false flag judeu do Isisrael. "Isso o senhor não conta".

      5) Portanto, por que haveria de fazer uma lambança dessas? Não tem mínima lógica. "Isso o senhor não conta" porque não tem cérebro pra raciocinar sozinho.

      6) A destruição da Síria estava previsto desde muitos anos atrás por alto oficial sionista americano, juntamente com Líbia, Iraque ... "Isso o senhor não conta".

      7) Assad resiste e isso impede a continuidade de latrocínio de Israhell que pretende aquelas terras até a Turquia pra fazer a Satanland, também conhecido como Erezt Israhell, a terra dos deicidas. "Isso o senhor não conta".

      8) israhell são anjinhos hehe "Isso o senhor não conta"

      9) agente laranja no vietnam etc etc, EUA são anjinhos hehehe "Isso o senhor não conta"

      10) etc etc ... "Isso o senhor não conta"

      Excluir
  8. Vejamos:
    https://www.facebook.com/events/827501454057588/

    Como chegamos a esse ponto? Pela separação da Igreja do Estado. Quando? Em 1789, no golpe de Estado regicida conhecido como Revolução Francesa promovido por banqueiros e globalistas siono-maçons anticristãos.

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. e so burrices.

      O secularismo francês tem uma longa história, mas a legislação actual é baseada na lei francesa de 1905 sobre a separação das Igrejas e do Estado. Durante o século XX, ela evoluiu para significar igualdade de tratamento entre todas as religiões,A laicidade do ensino público francês foi introduzida desde 1880, quando Jules Ferry organizou a escola primária, tornando-a pública, gratuita e obrigatória. Desde então, os crucifixos foram retirados das salas de aula e toda propaganda religiosa e política foi proibida. Todavia há casos, especialmente entre os professores, que consideram que uma lei proibindo os sinais religiosos nas escolas não resolve o problema Politicamente, podemos dividir os países em duas categorias: os laicos e não laicos.Esta corrente surge a partir dos abusos que foram cometidos pela intromissão de correntes religiosas na política das nações e nas universidades pós-medievais. A afirmação de Max Weber de que "Deus é um tipo ideal criado pelo próprio homem", demonstra a ânsia por deixar de lado a forte influência religiosa percebida na Idade Média, em busca do fortalecimento de um Estado laico. O laicismo teve seu auge no fim do século XIX e no início do século XX.Os valores primaciais do laicismo são: a liberdade de consciência; a igualdade entre cidadãos em matéria religiosa; e a origem humana e democraticamente estabelecida das leis do Estado. este e um problema que nos resolvemos mas insoluvel nos islamicos, para quem as leis religiosas sao tambem civis ou seja toda a sua vida e inseparavel da religiao, por isso jamais progredirao em qualquer area, artistica cientifica musical etcetc. o profecta comanda ainda e sempre.

      Excluir
    2. Laicismo = disfarce para anti-cristianismo. Falam de laicismo como se fosse sinônimo de neutralidade. Não existe neutralidade, ou és ou não és! Não dizem que "para o mal progredir, basta o bem cruzar os braços"? "Cruzar os braços" não é posição "neutra"? Aquele que não faz nem uma coisa nem outra, pateta?

      Tratar igualmente desiguais é justiça?!! Então tirem os corrimões dos velhos, tirem as rampas dos cadeirantes, tirem o braile, tirem o glúten, extinguam o diet, alcoólatras anônimos, deem registro de direção automotiva para todos, ...

      Os valores primaciais do laicismo são: a liberdade de consciência (ou seja, apronte que não existe erro, nem culpa) ; a igualdade entre cidadãos em matéria religiosa (Deus e o diabo colocados no mesmo pedestal) ; e a origem humana e democraticamente estabelecida das leis do Estado (Estado é Deus).

      Só tropeças nas próprias palavras, e o energúmeno não se dá conta. Resultado vemos esse lixo de marcha pela maconha, das vadias, "orgulho" gay ... vamos ver que assombrações laicas vem ainda.

      Como chegamos a esse ponto da sociedade ser tão cronicamente energúmena? Foi na separação da Igreja do Estado em 1789, no golpe de Estado regicida conhecido como Revolução Francesa promovido por banqueiros e globalistas siono-maçons anticristãos.

      Excluir
  9. "Eis que Damasco será tirada, e não será cidade, mas um montão de ruínas." Isaias 17:1 https://www.youtube.com/watch?v=8onJjiExYfI

    O plano de rendição americana também foi profetizado ou denunciado em 1963 (2°item) http://www.rense.com/general32/americ.htm conseqüência daquilo sobre o que muito se falou e nada se comprovou http://wp.clicrbs.com.br/casodepolicia/2016/12/08/policia-investiga-movimento-armado-que-recrutou-neonazistas-gauchos-para-lutar-na-ucrania/comment-page-1/?topo=52%2C1%2C1%2C%2C171%2C77#comment-15374

    ResponderExcluir

Escreva aqui o SEU pensamento sobre o assunto. É dispensável repetir o que já é de domínio público. A indicação de links deve ser acompanhada de breve descrição do conteúdo. Mensagens anônimas não são bem-vindas, agressões e baixarias não serão publicadas.