8 de março de 2016

MORAL E CÍVICA

Educação Moral e Cívica, qual teria sido o motivo para que se eliminasse essa matéria do currículo escolar? Talvez por que tivessem considerado mais importante a “Educação Sexual” para crianças de nove anos, com todos os detalhes e variantes. Não foi só o MEC brasileiro que eliminou aquela disciplina, aconteceu mundo afora. E depois o mundo mudou. Claro que não foi só porque não se ensinava mais correção, honestidade, integridade na escola. Mas o mundo mudou. Cito dois exemplos:

A esquerda temos o PRESIDENTE da Câmara dos Deputados do Brasil, Eduardo Cunha. Há meses convive tranquilamente com a acusação de ter recebido PROPINAS graças à sua função pública. Fala-se em dezenas de milhões de dólares. Há os que o acusam e os que o defendem. E a diferença entre os míseros reais que ganham os seus eleitores e o resultado da ganância desmedida se dilui no tempo e no espaço.

Na outra foto vemos a VICE-PRESIDENTE do Bundestag alemão, que nada mais é do que a câmara dos deputados da República Federal da Alemanha. Chama-se Claudia Roth, é do Partido Verde. Ela foi vista(*) recentemente participando de uma manifestação de rua da AntiFa, na qual se escandiam em coro os bordões “Deutschland, du mieses Stück Scheisse” (Alemanha, seu mau pedaço de merda) e “Deutschland, verrecke” (Alemanha, morra). - Aqui talvez caiba abrir um parêntese para esclarecimento. AntiFa (AntiFascismo) é uma ONG que atua em toda a Alemanha, colocando seus membros na rua para anular, impedir ou enfrentar manifestações ou reuniões que possam ser consideradas “rechts” (de direita). Consta que é subsidiada pelo governo. - Voltando à deputada, é de se perguntar que povo é este? Que país é este? Um mundo que ensinava Moral e Cívica não era obrigado a assistir a tamanho despudor.

Tudo isto não é despropositado. Tem plano e logística. É desconstrução. Tem um sistema por trás disto e a política se faz de servidora deste sistema. É o sistema que está organizando a Nova Ordem Mundial.

O leitor Marcelo de Porto Alegre, a quem agradeço pelo comentário que fez ao meu último ensaio, achou a matéria interessante, porém muito distante da realidade brasileira. Tenho que discordar. Tudo que acontece hoje no mundo diz respeito também ao Brasil. A tal Nova Ordem Mundial não passaria de uma utopia, não teria qualquer chance de ser entronizada, se tivesse que enfrentar nações verdadeiras, estados organizados, povos saudáveis, gente satisfeita com o status quo. Para chegar ao seu objetivo tem que acabar com tudo isso, tem que criar o caos. Então o que está se observando nos últimos cem anos é uma sistemática desnacionalização dos países, desestruturação da sociedade, fragilização das economias e, paralelamente, a desestabilização dos estados. O processo mais recente começou com as duas guerras mundiais, que na realidade foi uma só. Culmina agora com o fim da Europa, ou dos seus povos, que já é previsível. Na África e no Oriente Médio alcançaram todos os objetivos definidos concomitantemente ao Onze de Setembro.

Perguntar-se-á sobre Rússia, China e todo aquele Leste asiático. Não deve estar fora do planejamento e o mesmo acontece com a América do Sul. Não precisa ser hoje, nem amanhã. O que torna difícil reconhecer que está havendo um projeto em execução é o espaço de tempo que abrange. É possível encontrar indícios de que até a Revolução Francesa, que aconteceu há 226 anos, já tenha sido parte do programado. Mas é indiscutível que os motivos que foram apresentados para desencadear todas as carnificinas, todas as destruições que têm ocorrido, não eram realmente plausíveis. Portanto a verdadeira razão foi outra. Roguemos para que este sistema, que aí está agindo, sofra alguma interferência e que seus planos sejam abortados antes que chegue ao nosso país. É preciso que o dissenso político, atualmente aqui em estado crítico, chegue rapidamente a uma solução. Como está é um convite para que alguém mande uma tropa de mercenários para se juntarem a um ou outro lado. Aí a coisa desanda…

Conscientes e unidos, menos atentos aos smartphones e mais aos interesses da nação, ignorando provocações deletérias que a mídia vendida vem nos impingindo, talvez nos seja dado poder enfrentar com honra os males que o futuro possa estar nos reservando. Moral, civismo e bons costumes não fazem mal a ninguém.
Toedter
(*) - Bayernkurier – 4.12.2016



30 comentários:

  1. Eu ainda tive a sorte de pegar até a oitava série Moral e Cívica, OSPB, Técnicas Agrícolas e Técnicas Comerciais. Época em que ainda se raciocinava, racionalizava, opinava, executava,...

    Lamento muito pelas turmas logo anteriores a mim que começaram a sentir na pele a decadência, a desconstrução.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Errata: ...turmas logo posteriores a mim...
      Só agora reli o que escrevi.

      Excluir
  2. Sr. Toedter,
    Contundente como sempre. Também tive a felicidade de pegar Educação Moral e Cívica e OSPB. Adorava as aulas, ainda mais quando elas falavam de vultos pátrios como o Duque de Caxias, José do Patrocínio, a Princesa Isabel...Aqui, perto de minha casa, a escola municipal ainda toca o Hino Nacional quando da entrada das crianças, mas por quanto tempo? Quando tivemos aqui um prefeito do PT o costume foi abolido por ser retrógrado e reacionário. Veja a que ponto chegamos! Nem mesmo o alistamento militar serve mais para coisa alguma porque tive um grande amigo que passou um ano no quartel, sendo seis meses varrendo os pátios e outros seis meses na guarda. O treinamento militar se resumiu a isso e ele foi um felizardo porque sei de jovens que foram dispensados antes de nove meses por causa dum certo contingenciamento do orçamento militar.
    Li seu livro "A Paz Que Não Houve" e apreciei sua sinceridade e senso histórico. Há algo que gostaria de perguntar-lhe: o Sr. serviu na Wehrmacht, Kriegsmarine ou Luftwaffe?

    Sinceramente,

    Fábio Siqueira Batista
    Professor de História

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "O Sr. serviu na Wehrmacht, Kriegsmarine ou Luftwaffe?"

      Creio que serviu à Humanidade e à Verdade, como aqueles. E creio que ainda serve.

      Abraços

      Excluir
    2. Sr.Fábio Siqueira Batista,
      registro com satisfação o seu interesse. No meu primeiro livro ...E A GUERRA CONTINUA (Editora do Chain) descrevo minha passagem pela Alemanha. Recomendo-o como resposta à sua pergunta.

      Excluir
  3. Ao leitor Marcelo e todos os demais, devem perceber que é a geopolítica que define a política local.

    Sobre "criar o caos", as tais disputas e diferenças entre os partidos de esquerda e direita, são meramente a repetição da tática da "tese vs antítese" de Hegel para criar o "dissenso político". O gado caiu nisso. Gustavo Barroso, Hitler, dr. Enéas e tantos outros colocados e mantidos num democrático ostracismo, avisaram e avisaram abundantemente. Mas o gado é gado.

    Infelizmente, esse "sistema que está aí agindo" já se encontra bem presente no Brasil. A extinção das aulas supra citadas, exemplos como de Eduardo Cunha, o dissenso político são algumas provas disso.

    Cobalto

    ResponderExcluir
  4. Os Antifas, são exactamente os mesmos personagens que vamos encontrar nos "No Borders". Não sabemos verdadeiramente quem financia os Antifas, mas sabemos quem financia os "No Borders", portanto não custa muito deduzir quem está por detrás dos Antifas, são estes todos aqui:

    http://www.unitedagainstracism.org/about-united/supported-by/

    Que beleza, não é ? Olhem só alguns:

    - Rothschild Foundation
    - Jewish Humanitarian Fund, Foundation Remembrance Responsibility and Future
    - Open Society Foundations

    É impressionante como encontramos sempre os mesmos elementos, os destruidores da humanidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Gang,
      Concordo contigo, esses seres são os destruidores da humanidade, só que a humanidade entende um ser dessa ESPÉCIE como o salvador da humanidade!!
      Se as pessoas lessem deuteronômio, levítico e números, TODOS SABERIAM que o judeu foi PROGRAMADO para enganar gentio, e isso inclui cristo!
      Dai observamos que todos os "mandamentos" de cristo são PERFEITOS para amansar o gentio e garantir que os judeus sempre ficarão impunes por todas as abjetices que lhes são peculiar.
      Se os seres humanos em vez de seguir o degenerado cristo seguissem os mandamentos de deus para os judeus, entendendo sempre que onde está escrito judeu coloca-se gentio e onde está gentio coloca-se judeu, só com essa simples manobra TODOS os judeus já teriam sido varridos da Terra!
      Mas o incrível é que o que não falta é gentio defendendo cristo e outros judeus. Sobretudo os gentios que já entenderam o que são judeus!!

      Como mostro, a humanidade já foi eliminada desde a cruscificação do tal cristo!!
      Santa inquisição serviu e serve para apenas eliminar os focos de resistência tardia!

      Excluir
    2. " O Messias de Israel só virá quando Cristo, na Europa, o Cristianismo, for totalmente derrotado.
      Portanto, pergunto-lhe:
      É este uma boa notícia que o Islã está invadindo a Europa?
      Sim ... Esta é uma grande notícia! "
      ~ Rabbi David Touitou - novembro de 2013.

      https://www.youtube.com/watch?v=L4LEdQQnK6s

      Cobalto

      Excluir
    3. Besteirol total postado por todos acima, não se pode entrar em uma onda de " ah foram os judeus", "judeu é mau".
      Coisa de criança esse debate sobre judeus e só faz perder o foco no problema europeu que é a imigração de terroristas, braçais sempre são bem vindos para movimentar a economia.

      Nem todo judeu é mau, na verdade são poucos, é só a cúpula sionista, eles comandam e promovem toda a violência. O judeu comum, o judeu da massa, inocente, este não sabe de nada e nem desconfia das maquinações da cúpula bem como nós.

      Excluir
    4. Santroll, então apagaste os comentários antigos e mudaste de nick?
      e achas mesmo que com esse estilo inconfundível passas despercebido?

      sim, o judeu da massa é um santo inocente.
      http://antizionismo.blogspot.pt/2016/04/judeus-comuns.html

      eles nem desconfiam...
      https://4.bp.blogspot.com/-i3uRKuHMeA8/Vv8NHymg0xI/AAAAAAAAJoE/11fjMBtFUcYiVK0XX16yedHR_Gmk-qyVg/s1600/10449474_864353697008466_5585243661066837642_n.jpg

      Excluir
    5. Estupidez total essas postagens, dignas de um medíocre.

      O fato de ter alguns judeu comemorando ataques em Gaza, pedindo pelo fim de brancos, etc... isso não serve para caracterizar todo um grupo e toda a raça judia.

      Julgar todo o grupo por alguns exemplares é medíocre e racismo infantil. Julguemos os criminosos pelos crimes, mas sem cometer qualquer injustiça com os inocentes.

      E repito, as maquinações economicas e políticas são conhecidas e entendidas por muito poucos, a cúpula sionista. O judeu comum não tem entendimento da situação toda, muito poucos tem na verdade quanto mais os judeus da massa.

      Excluir
    6. quantos judeus são talmúdicos? quase todos. 98%.
      é preciso recordar o que diz o Talmud?

      e quantos judeus são sionistas? a esmagadora maioria...incluindo imensos ateus, laicos, etc
      a maioria apoia a ideologia sionista. e quase todos seguem o Talmud (1% segue a Torah que também é merda, enfim)

      o que a esmagadora maioria dos judeus pensa sobre imigração no país dos outros?
      http://gangdaervilha.blogspot.pt/2016/02/o-que-pensa-maioria-dos-judeus-sobre.html


      E se nós escrevemos "os judeus" e não "alguns judeus", é porque as nossas fontes são agora suficientemente inúmeras e diversas para afirmar que é uma generalização.
      Hervé Ryssen - Le Fanatisme Juif

      http://gangdaervilha.blogspot.pt/2015/10/o-fanatismo-judaico.html

      https://www.youtube.com/watch?v=5jG6kJm-50k
      http://inacreditavel.com.br/wp/israel-e-primeiro-lugar-na-violacao-dos-direitos-humanos/

      o "judeu da massa" adolescente, sem consciência das jogadas de bastidores da "cúpula", sim, pois claro:
      https://www.youtube.com/watch?v=CSjZS5Tg7Ik

      ah e escusas de andar a fazer "ameaças" ocas que eu não tenho medo de ti...

      Excluir
    7. Essas fontes que coloca são totalmente inúteis, vistas que são de um blog declaradamente anti-judeu. E pior é que misturam nacional socialismo com racismo, coisa que não acontecia na época.

      Isso de judeus talmudicos é pura bobagem, a maioria dos judeus não é praticante de religião, nem estuda torah nem talmud. Só na mente de um ingênuo existe essa realidade de ser judeu e automaticamente ser um conhecedor de religião etc.

      Também o judeu comum é a favor do sionismo, normal, vai defender o lado dele; mas isso não significa que ele tenha conhecimento das manipulações que faz a cúpula sionista.

      São planos sociais bem difíceis de provar e compreender, é uma manipulação muito bem feita de engenharia social.
      Enquanto a cúpula planeja o plano Kalergi, o judeu comum nem sabe que o plano existe, mas em geral é a favor da imigração porque é educado com esses valores cosmopolitas, não por querer eliminar os goy. O judeu comum é massa de manobra da cúpula.

      Aí está o ponto, és incapaz ou não quer entender, ou entendeu e finge não entender.

      Excluir
    8. "mas em geral é a favor da imigração porque é educado com esses valores cosmopolitas, não por querer eliminar os goy."


      ai sim? então e porque razão esses mesmos judeus "cosmopolitas" quase nunca apoiam a imigração em israel e só no país dos outros? coitados, são uns ingénuos idealistas e não querem destruir-nos. vocês têm cá uma lata.



      "O judeu comum é massa de manobra da cúpula."

      falso. pura mentira e tu sabes que é mentira.
      a operação Odigo prova que o judeu comum NÃO é massa de manobra de nenhuma "cúpula". se o judeu comum fosse "massa de manobra", os milhares de judeus que trabalhavam no World Trade Center tinham morrido quase todos...mas em vez de milhares, só morreu 1 ou 2, e quem morreu aos milhares foram os "goy".

      e apenas isto, somente isto, prova que a tua teoria é uma treta pegada.
      pode haver escalões entre os judeus e pode haver judeus mais poderosos que outros, mas os menos poderosos NÃO SÃO "massa de manobra". é tudo uma grande família.

      mais, os judeus de israel que encenam false-flags como aquela dos 3 adolescentes e depois as centenas que vão encenar lágrimas de crocodilo para o "funeral", estão perfeitamente conscientes dos planos da tal "cúpula"...tanto estão conscientes que simulam tudo e trabalham também para ela.
      http://nodisinfo.com/hard-proof-deaths-three-israeli-youths-fake/

      fora as celebrações do 9/11, quer em israel (Purim) ou mesmo em Nova Iorque também.
      além de que é proibido (pelo Talmud) judeus roubaram outros judeus, e judeus não pagam usura a judeus.
      tudo isso prova que aquilo é uma grande família. as excepções são as excepções, mas a regra é essa e não o contrário.

      e quanto ao Talmud, muitos podem não seguir o Talmud à risca ou serem laicos, mas têm noções talmúdicas na mesma e conhecem o livro.
      até o "ateu" Ben-Gurion nos anos 60, recorria à religião e ao "livro", até chegou a falar nas profecias de Isaías, e no entanto era ateu. mas não importa. era sionista, de qualquer forma.
      talmúdicos ou não, ortodoxos ou laicos, são sionistas, tribalistas e talmudistas na mesma, mesmo que não sejam ortodoxos, religiosos e fanáticos.
      os miúdos em israel (depois de serem circuncisados) são logo ensinados desde pequenos a detestar o "goy" e a pegar em armas, isto é real, não vale a pena dizer que não.
      isto é um problema genético e tribal.

      isto já tem milhares de anos e é completamente rídiculo vocês (judeus) virem para aqui tentar atirar-nos areia aos olhos.
      vocês já têm os vossos blogues neocons (que são muitíssimo mais que os blogues NS) onde podem pregar as vossas mentiras.
      não têm nada que andar a fazer proselitismo nos nossos blogues.

      quanto aos links que eu forneci, o que importa é as fontes que por lá se encontram e os autores. não interessa se o blogue é anti-judeu ou pró-judeu, ok Santon???

      aliás, se o blogue dele te incomoda tanto, então nesse caso o que é que lá andaste a fazer durante tanto tempo e a comentar durante tanto tempo? com esse comentário só te enterras.

      Excluir
    9. Não sei quem é esse tal de Santon. Os links passados não são sérios.

      Mas o fato é que o rapaz está exaltado e tropeçando nos argumentos. Ao debate civilizado:

      1-Sobre o WTC seria bom uma lista dos falecidos e outra dos trabalhadores que iam lá sempre naquele horário. Se um grande número de trabalhadores judeus houvesse "faltado" naquela manhã haveria um indício de conspiração.
      Mas você não tem lista nenhuma, é só acusação vazia. Infantil.

      2-Também há diferenças entre judeus, começamos a falar a mesma língua.
      Bem como você disse existe a Elite, que Ford chamou de Judeu internacional, o judeu ateu de New York, esse judeu que conspira para destruir as nações europeias e o homem branco.

      Isso é conhecido, o fato é que é uma elite muito pequena de umas quantas famílias, eles comandam e determinam tudo do alto.
      A maioria, vamos dizer 95% dos judeus, não tem conhecimento das estratégias da cúpula. É muuito difícil ter esse entendimento de história e política visto que os vencedores da segunda guerra redesenharam a história e inventaram o mito do Holocausto.

      E essa cúpula sionista não tentou negociar com Hitler que ele capturasse e mandasse os judeus para a Palestina ?
      Tanto as guerras de 14 e 38 foram fomentadas pela "Elite" só pra que eles pudessem mandar os judeus do leste europeu para a Palestina - a força pois não queriam ir.

      A força porque os judeus já estavam bem na Alemanha, produziam literatura e arte, estavam ambientados. Também na Polônia havia milhões de judeus vivendo bem. Quem vai querer ir pro deserto ?

      Os sionistas de NY venderam esses judeus e permitiram que fossem esmagados por Hitler, aí está a igualdade de todo judeu que alguns querem proclamar - uns tratados como escravo nos campos de concentração, outros em Manhattan.

      O próprio Netanyahu andou tropeçando e sendo criticado esses tempos, ele disse que o Hitler não queria o extermínio de judeus ( e nisso destoou do pensamento único sobre o Holocausto) e sim o Mufti da Palestina o manipulou para isso.

      Os erros de Hitler foram outros, ele nunca matou judeus com gás, mas os escravizou durante a guerra e ia expulsá-los do país. Para mim isso já é muito.
      Também é bom lembrar os 27 milhões de russos mortos no terrível front oriental.

      A superelite não é composta só por judeus e sim por muitos brancos colaboracionistas, dizer que todo judeu é afortunado ou beneficiado é um absurdo completo, há uma elite que paira sobre a humanidade, o resto é conversa de tolos.

      Excluir
    10. «Nem todo judeu é mau, na verdade são poucos, é só a cúpula sionista, eles comandam e promovem toda a violência. O judeu comum, o judeu da massa, inocente, este não sabe de nada e nem desconfia das maquinações da cúpula bem como nós.»

      Calma rapaz! Não te excites! Calma contigo, assenta-te e respira fundo. Não tens outra K7 ? Essa já está poeirenta e a música já não embala ninguém.

      Vamos à martelada! Queres saber o que Bernard Lazard diz sobre o carácter judeu ? Nunca leste Bernard Lazard ? Homem! Cultiva-te com boa leitura, acredita que serás um pouco menos ignorante do que antes da leitura. Depois de leres o Lazard, vem cá ter comigo que eu aconselho-te outro livro, muito bom, de um judeu puro sionista, daqueles que fazem parte do “judeu da massa”, infelizmente por não ser rico nem ter feito parte da “cúpula”, é desconhecido do público em geral, mas ele diz exactamente a mesma coisa que o Bernard Lazard, de uma outra forma, mas a síntese do carácter judeu é sempre a mesma, tal e qual como escrita na Bíblia: “É um povo de cabeça dura”...

      Vai agora está na hora de te cultivares e adquirires conhecimento. Tudo na vida é passageiro, salvo os livros que vão sempre ficando de geração em geração...

      Excluir
    11. @Vapera

      Ora caro Vapera! Ainda temos um diálogo para acabar algures. Vou visitar-te brevemente. Eu acho que o teu primeiro erro é considerar que os judeus seguem a Torah. Errado. Os judeus seguem o Talmud e a Kabala. Os únicos que seguem a Torah são os Samaritanos. Podemos observar seja qual for a conferência de qualquer Rabino e vamos vê-lo a falar muito de Torah; Torah aqui, Torah ali. Mas o mais impressionante é que apesar de falarem todo o tempo em Torah, vamos escutá-los em 100 citações, referirem-se quase exclusivamente ao Talmude e Kabala! Dessas 100 citações, digamos que apenas umas 5% tem clara menção extraída da Torah. Eu, que pessoalmente gosto muito de ver conferências de Rabinos aí no youtube, com o intuito de estudá-los e compreender a perniciosa mentalidade desses elementos, verifiquei tudo isso que afirmo aí. É impressionante! Gentes que dizem seguir a Torah e mal a citam, mal se referem a ela. A preferência é exclusivamente dada ao Talmud e Kabala.

      Isto dito, não é sem razão que o povo os designa como “judeu-talmudista” ou “judeu talmudo-kabalista” e jamais “judeu-torahísta”. Os únicos que seguem a Torah são os Samaritanos, agora se eles são ou não judeus, isso é outro assunto que sai fora do meu magro e raquítico conhecimento.

      Excluir
    12. Ignorante, fala o tempo todo no anarquista Lazaré como se este fosse porta voz da verdade ou do povo judeu.

      Pra início de conversa Lazare foi defensor ferrenho de Dreyfus no caso de anti-semitismo mais célebre da europa.

      Estão confundido recalque pessoal contra judeus com estudo de história e política, isso já parece paranóia.

      Também se fala de talmud como se todo judeu estudasse isso, na verdade poucos são religiosos e nem se preocupam com torah e talmud. Os religiosos são minoria.

      Excluir
    13. @Renato Santroll

      Calma homem! Tenho aqui uma pequena surpresa para ti, só para abrir o apetite, talvez deixes de mentir de uma vez por todas, porque são judeus que escrevem isto.

      Visto que és judeu, que aliás não tenho nada contra com o facto de seres judeu, o que me preocupa é a dupla linguagem do judeu e a sua parasitagem, mas dizia eu, que visto que és judeu, traduz lá isto aqui para a gente saber o que se passa:

      http://www.ynet.co.il/articles/0,7340,L-4180860,00.html

      Eu conheço a tradução, não porque um judeu traduziu isso para uma língua compreensível e civilizada.

      Então, o que achas da fruta ? É amarga não é ? Mas sê um homem de coragem, traduz isso para a gente entender o que está escrito nesses gatafunhos...

      Porque é que mentes ?

      Excluir
    14. @Renato Santroll

      E claro, aqui ninguém falou de caso Dreyfus. Lá estás tu a tentar a desviar o sujeito, falta de palavras ?

      Outra, se Lazare fosse único, eu dar-te-ia razão, mas são múltiplos e inúmeros a dizer a mesma coisa... não podemos então de falar em casos isolados, a mas sim de uma generalidade tão característica a essa raça como o é o gosto pelo dinheiro, a parasitagem e as tendências psocóticas, para não falar de outras coisas. Não sou eu que o afirmo, são os próprios judeus que o dizem. São coisas óbvias demais para que tu nos venhas aqui cantar uma música velha e riscada demais... já não soa bem. Muda de K7.

      Excluir
    15. Ervilha (?) não sabe ler ?

      O Lazare não é alguém que esteja do vosso lado, anti-semita, ele foi o maior expoente na defesa do militar Dreyfus, fez uma ótima defesa contra o anti-semitismo e vai contra tudo o que você postou falsamente antes. Procure ler sobre o Caso Dreyfus.

      E mesmo que Lazare fosse abertamente contra Israel e os judeus isso não significa mais do que sua opinião individual, todos temos a nossa.

      "Não sou eu que o afirmo, são os próprios judeus que o dizem."

      Novamente, bobagem pura. Não importa o que um ou dois judeus digam, isso não se torna verdade absoluta.

      Seus argumentos são muito fracos, infantis, não tem nem como estabelecer um debate. (fora quando se abusa de vantagens e censura)

      Excluir
    16. "Mas sê um homem de coragem, traduz isso para a gente entender o que está escrito nesses gatafunhos..."


      eu acho que ele nem precisa de traduzir. aposto que entende tudo à primeira. e porque é que eu digo isto? simples:

      http://i.imgur.com/ifxdSg4.jpg

      e o que diz aí é que 80% dos judeus israelitas acreditam em deus. bem 80% é obra! mas não estudam o Talmud bla bla
      sim, pois claro.

      já agora, falei aqui dos judeus que saíram do WTC e o Santroll pediu provas. ora aqui está. mas esta fonte deve ser "neonazi", duvidosa, parcial e sem credibilidade, oooops:

      http://1.bp.blogspot.com/-dy-hs8-GjPA/Ui_mVasApzI/AAAAAAABruY/KJarC1TiNbs/s1600/odigo-says-workers-were-warned-of-attack-haaretz-daily-newspaper-israel-news.png

      Excluir
    17. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    18. @Renato Santroll

      Toda a gente aqui pode verificar que nem sequer falei se Lazare era anti-semita ou pró-semita ou coisa semelhante. Como então podes dizer que postei coisas falsas ? Onde está ? Aponta aí nos meus comentários onde está a falsidade ?

      Mas por um lado, eu é que te apanhei na mentira e na falsidade, pois afirmas-te que a maioria dos judeus não ligam à religião! Falso como o prova o link vindo de um média judaico cujas estatísticas desmascaram o teu erro. Vais dizer que esse média judeu é anti-semita ? Sim, a maioria dos judeus crêem no deus deles e, eles têm todos, pelo menos cerca de 80%, um sentimento religioso.

      As estatísticas desenvolvem-se ao longo desse artigo e mostram que a maioria deles respeita as festas talmúdicas e muitas das leis tradicionais da religião do demónio.

      Em todo o caso, e em toda a evidência, nós podemos falar de uma maioria que crê nessas coisas e respeita-as, consoante o seu grau de crença e religiosidade que, de qualquer das formas, nunca e nunca nos permite afirmar que apenas uma minoria o faz. É exactamente o contrário, e é bem a maioria deles que crê e uma minoria que não crê. Como então podes afirmar o contrário ? É muito feio tentar enganar as pessoas, acho que deves um pedido de desculpas a todos os leitores deste blog que observam os comentários.

      Sobre o Lazare, que nunca te passe pela cabeça que, se eu cito uns ditos ou escritos de um judeu, seja ele qual for, pouco me importa e, nem sequer dou a mínima importância se ele é “anti-semita” (paradoxo: como pode um semita ser anti-semita ?) ou não. O que conta no essencial, é que ele seja judeu, profundo conhecedor dos seus, o que se torna para o próprio judeu, por assim dizer, uma grande fonte de problemas, pois a dialéctica do “anti-semita” deixa de surtir o efeito tal e qual se poderia fazer sentir quando é um goy que descreve o carácter parasitário dessa gente.

      Mas também, que não se pense, que, unicamente pelo facto de um judeu ser judeu, forçosamente conhecerá mais os da sua laia que alguém do exterior. O que Lazare disse, já muitos e muitos goyim o tinham dito com séculos de antecedência. Não disse nada de novo, apenas confirmou o que já se sabia. Lazare, ele mesmo reconhece a problemática dos sacrifícios humanos, que o próprio judeu é que é o problema e não os outros. Mas nada, nunca é demais repetir, nada, absolutamente nada do que ele afirma e confirma era desconhecido dos goyim anteriores à época dele. Isto porque naturalmente, e é próprio à natureza judaica, um judeu que fale sobre os seus, tenderá sempre a obscurecer certos aspectos e, fazer grandes floreados de palavras para diluir uma problemática no meio de intelectualismos sem fim. Para o goy, esta problemática já não existe, pois a maneira de pensar dele é a oposta do judeu, ela é lógica e muito terra a terra, contrário ao pensamento nómada e bastardo do judeu que, nuca assenta em bases sólidas como o pensar do goy. O Doutor Goy, à partida, tem então mais aptitude para descrever uma raça bastarda como a judaica do que os próprios elementos dessa raça. Quando digo “raça bastarda” não é no mau sentido, mas uma simples constatação de factos, que me leva a pensar que a raça judaica é a mais mestiçada do mundo, pois de quem, entre um judeu Yémenita e um judeu Asquenaz, poderá concluir que tanto um como outro fazem parte da mesma raça ? Logicamente existe uma bastardização por demais evidente que raramente se observa em outras raças. É, em consequência, a raça mais mestiçada que existe neste mundo.

      Já agora quando dizia lá acima - “anti-semitismo” (paradoxo: como pode um semita ser anti-semita?) - gostava de esclarecer, e o Mestre Toedter poderá confirmar, que essa fraude intelectual de “anti-semita” nasceu da boca de um judeu, nos idos de 1860, num livro intitulado “Antisemitische Vorurteile”, cujo autor era Moritz Steinchneider. E aqui mais uma vez nos rendemos conta do delírio mental próprio ao pensamento nómada que flui e flui sem ponta e traço de lógica.

      Excluir
    19. Peço desculpa, o artigo citado acima, este:

      http://www.ynet.co.il/articles/0,7340,L-4180860,00.html

      Está traduzido (aparentemente o admin do blog é judeu) aqui em língua de goy:

      http://haabir-haisraeli.over-blog.com/article-grande-enquete-80-des-juifs-israeliens-croient-en-d-ieu-et-combien-attendent-le-messie-97923982.html

      Excluir
  5. Estamos à beira de uma transformação global. Tudo que precisamos é uma
    grande crise e as nações aceitarão a nova ordem mundial." (David Rockefeller)

    ResponderExcluir
  6. Nada adianta, repito, nada adianta mudar o regime político no país se não mudar o que está sendo denunciado nos vídeos abaixo:

    A Maçonaria no comando do Brasil:
    https://www.youtube.com/watch?v=oodU_3-ruR4

    Os Senhores do Dinheiro no Mundo:
    https://www.youtube.com/watch?v=UZ1w5kAC3uA

    A Corrupção, o Sistema da Dívida e a Soberania na Corda Bamba:
    https://www.youtube.com/watch?v=aFzke1cCwUg

    Paulo Henrique Amorim entrevista Amaury Ribeiro Jr. autor do livro "A Privataria Tucana":
    https://www.youtube.com/watch?v=V14fyWK9Cnc

    Paulo Henrique Amorim expõe a Globo no seu livro "Quarto Poder":
    https://www.youtube.com/watch?v=5L7VdE8zZzs

    Isso só pra começar.

    Cobalto

    ResponderExcluir
  7. Sobre a mais nova tática de trollagem hasbará de tentar distanciar, distinguir, separar a "elite malvadinha" da "massa judaica de madres terezas", concluímos que, por não conseguirem desfazer as milhares de denúncias, críticas, testemunhos, provas, filmagens e documentos sobre todas as verdades inconvenientes de Israhell et caterva não só do presente século, mas desde muito antes da criação do Sionismo muitas vezes usado como desculpa esfarrapada que seus crimes não são judaicos, mas sionistas, mui antes até do deicídio de Cristo Filho do Deus Altíssimo; apelam agora para o desespero de tentar enganar criando esse novo golpe do Troll de Distinção. Querendo outra vez e sem provas mínimas que sejam (como sempre), que existe uma diferença importante, que existem dois grupos distintos que não se comunicam, que não se inter influenciam, que são distintos: a "elite malvadinha" e a "massa judaica de madres terezas". Dizem também que o segundo grupo é vítima do primeiro. Já vimos esse filme de vitimismo.

    Esse novo golpe do Troll da Distinção apenas prova que o bom e laborioso trabalho de denúncias surte seus efeitos. Cada vez mais pessoas compreendem que o Estado de Israhell é terrorista, não foi criado democraticamente mas por uma versão moderna do antigo faroeste americano em pleno século XX, que é uma ameaça real a paz no planeta e da existência da espécie humana (vide Opção Sansão), é racista e xenófobo, se expande e só existe por intermédio do latrocínio e geno-etnocídio palestino, só se sustenta por parasitagem subtraídos inconstitucionalmente dos impostos do povo americano e sua tecnologia militar, que está por trás da imigração massiva de afro-muçulmanos à Europa, seu PIB deriva exclusivamente de vendas e tráfico de armas (morte e desgraças), drogas (LSD etc), órgãos humanos, diamantes de sangue, prostituição de mulheres brancas que são enganadas com falsas promessas, trabalha escravo palestino, filmecos e livros de vitimismo, saque e pilhagem de bens palestinos, etc. Isso porque é "terra santa", imaginem se não fosse! Mas se formos analisar pelo prisma talmúdico, eles consideram isso tudo "santidade".

    Já dizia um judeu chamado Ginzburg: "a guerra é a seara do judeu." Será por isso que chamam seu deus de "Senhor dos Exércitos"?! O deus dele faz as guerras, destrói os povos, as civilizações e culturas, e os judeus ficam com a pilhagem, os escravos e animais. Isso ou é mera coincidência? Verifiquemos novamente seu PIB e perguntemos aos palestinos.

    Concluindo, o Troll da Distinção é um ato de desespero, é outro falso testemunho como fazem desde antes dos tempos de Jesus, para tentar se desvencilhar jogando a culpa por seus crimes na "elite malvadinha", pretendem assim, salvar alguma coisa desse barco furado do seu Estado e História.

    " O Messias de Israel só virá quando Cristo, na Europa, o Cristianismo, for totalmente derrotado.
    Portanto, pergunto-lhe:
    É este uma boa notícia que o Islã está invadindo a Europa?
    Sim ... Esta é uma grande notícia! "
    Disse o rabino David Touitou, em novembro de 2013.

    Lembremo-nos sempre da advertência divida de João 8:32:
    "E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará."

    Essa tática do Troll da Distinção é uma vitória da Verdade e da Justiça sobre as mentiras hasbará.

    Cobalto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece que cada um disse o que tinha a dizer. Vamos passar para a frente?

      Excluir

Escreva aqui o SEU pensamento sobre o assunto. É dispensável repetir o que já é de domínio público. A indicação de links deve ser acompanhada de breve descrição do conteúdo. Mensagens anônimas não são bem-vindas, agressões e baixarias não serão publicadas.